call LIGUE-NOS 808 20 40 20
PT

Correr para ajudar na terceira edição da “We Run”

Quem corre por gosto na terceira edição da We Run, a 11 de setembro, no Porto, não irá cansar-se de ajudar, porque por cada quilómetro percorrido o Wall Street English desafia os amantes do “running” e da caminhada a contribuir para ajudar a Acreditar, a Bagos d'Ouro e a Missão Kanimambo.

A terceira corrida We Run permite optar por correr ou andar 4 ou 10 quilómetros e está aberta a atletas masculinos e femininos, federados ou não, desde que tenham 18 anos. O sinal de partida será dado às 10 da manhã, no Cais de Gaia, e todos os atletas inscritos vão correr ou caminhar.

Todos eles vão também receber um mês de ensino num dos cerca de 34 Centros Wall Street English que existem em Portugal. Para os vencedores estão reservados cursos de Inglês, de 24 e 12 meses no Wall Street English.

“O nosso método de ensino aposta num inglês prático, que se fala e treina em ambiente social ou profissional e foi assim que nasceu a ideia de organizar a primeira corrida Wall Street English. Depois de dois anos em Lisboa, decidimos que o Grande Porto também merecia uma We Run para envolver e premiar os atletas com aquilo que sabemos fazer melhor: ensinar-lhes Inglês”, refere a Diretora de Marketing do Wall Street English, Joana Figueiredo.

Quilómetros significam euros doados

Na primeira corrida We Run participaram cerca de 800 participantes e a segunda edição chegou aos 1000 atletas e caminhantes, pelo que, segundo a mesma responsável, o objetivo é agora “ultrapassar esta marca ambiciosa porque quantos mais correrem maior será o impacto solidário da iniciativa”.

Quando faz a sua inscrição, que varia entre os 7 e os 12 euros consoante a distância e a prova, cada atleta pode definir os quilómetros que pretende doar. Mesmo sem correr pode fazê-lo, contribuindo com 1€ por cada quilómetro doado para a Acreditar, a Associação Bagos d'Ouro e a Missão Kanimambo.

 

Sobre:

A Acreditar existe para “tratar a criança ou jovem com cancro e não só o cancro na criança ou jovem”, promovendo a sua qualidade de vida e da família. O seu trabalho desenvolve-se por quatro núcleos regionais correspondentes aos centros urbanos onde existem hospitais de oncologia pediátrica: núcleo Norte, com sede na cidade do Porto; núcleo Centro situado em Coimbrã; núcleo Sul em Lisboa; e núcleo da ilha da Madeira na cidade do Funchal.

www.acreditar.org.pt

A Associação Bagos d'Ouro tem como missão apoiar crianças e jovens carenciados do Douro, através do acompanhamento do seu percurso escolar e da criação de oportunidades para o desenvolvimento de projetos de vida de sucesso. Fundada em Agosto de 2010, acompanha atualmente 44 crianças e jovens e respetivas famílias, num total de 167 pessoas, acompanhando o seu percurso ao nível da Educação, Nutrição e Saúde, até à inserção na vida ativa.

www.bagosdouro.com

A Missão Kanimambo funciona em Moçambique e tem por objetivo proteger e apoiar a saúde das pessoas com albinismo, angariando bens que ajudem a prevenir os problemas associados a esta condição, como o cancro da pele. Algo tão simples como um protetor solar pode fazer a diferença. Este é um projeto da Associação Humanitária “Memórias e Gentes”, desenvolvido em parceria com a União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa (UCCLA) e que visa ainda dar a conhecer mais sobre o albinismo.

www.facebook.com/MKanimambo

arrow_back Anterior
Seguinte arrow_forward